Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ser super mãe é uma treta

Ser super mãe é uma treta

14
Set18

Se não têm nada de bom para dizer fiquem caladinhas, sim?

Susana

- Se não têm paciência para ter filhos não os tenham.

 

Há coisas que são ditas com demasiada frequência e em que eu hesito em mandar as pessoas diretamente à merda sem passar pela casa de partida ou em desatar aos pontapés contra todos os meus princípios de não-violência.

 

Esta frase ou variantes dela, podem ser ditas por quem não tem filhos e aí até dou um desconto, porque eu antes de ter filhos também era a mãe perfeita, mas também é dita por quem tem filhos e aí não há desconto que lhes valha. Não sei que porra estas pessoas têm na cabeça e porque lhes é tão fácil julgar as outras mães, não sei se tomam alguma merda que as faça estar sempre em modo mãe perfeita fora de casa e em casa partem a loiça toda contra a parede, não sei se é apenas o prazer de foder a cabeça às outras ou se são mesmo assim parvas, o que sei é que não é aceitável dizer aos outros o que os qualifica para ter filhos e de que forma devem exercer a sua parentalidade.

 

Não é aceitável dizer que quem perde a paciência, dá um grito ou uma palmada aos filhos não é bom pai e não devia ter filhos. Não é mesmo e estou cansada desta merda das mães perfeitas, zen e com a mania que sabem tudo, que vivem para apontar o dedo e tentar encher os outros de culpa. Se não têm nada de bom para dizer fiquem caladinhas, sim?

 

Sigam o Ser Super Mãe é Uma Treta também no Facebook.

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Instagram

Spotify

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D